A CSU CardSystem S.A. apresentou, no segundo trimestre de 2012, EBITDA (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) de R$ 19,1 milhões, um crescimento de 19,7% em relação ao mesmo período do ano passado. O resultado é explicado pela maior representatividade da unidade de negócios CSU CardSystem na composição das receitas e pelo melhor resultado operacional da CSU Contact. Também contribuíram para esta evolução iniciativas de redução de gastos e a desoneração da folha de pagamentos, com melhoria nas margens de rentabilidade.

A companhia fechou o segundo trimestre com lucro líquido de R$ 5,84 milhões, similar aos R$ 5,85 milhões registrados no mesmo trimestre de 2011, com expansão de 0,4 ponto percentual na margem líquida. O lucro bruto de R$ 24,3 milhões equivale à margem bruta de 25,7%. Em relação ao mesmo período do ano passado, houve melhora de 0,3 ponto percentual na margem gerada.

A participação da unidade de meios eletrônicos de pagamento CSU CardSystem no faturamento total cresceu de 51% para 54% (ano a ano), mesmo tendo havido retração de 5% na receita bruta – que somou R$ 103,5 milhões neste segundo trimestre. A receita bruta desta unidade totalizou R$ 56,2 milhões.

A diretora de Relações com Investidores e Desenvolvimento Corporativo da companhia, Mônica Carvalho Molina, ressalta que a CSU CardSystem venceu duas importantes concorrências para prestação de serviços de emissão e gestão de cartões de crédito, com o Banco do Nordeste e o Banpará. O primeiro tem potencial para gerar cerca de R$ 50 milhões em receitas no período de quatro anos. Já o contrato com o Banpará prevê receita aproximada de R$ 21,5 milhões em dois anos. “Os resultados deste trimestre foram positivos, principalmente no que se refere às margens e geração de caixa. O saldo de caixa ao final do período alcançou R$ 24,8 milhões, contra apenas R$ 1,4 milhão em junho de 2011”, explica Molina.

A unidade de negócios CSU Contact, que oferece serviços de callcenter, encerrou o segundo trimestre com receita bruta de R$ 47,2 milhões. O lucro bruto da unidade ficou em R$ 3,7 milhões, bem superior ao R$ 1,1 milhão gerado no segundo trimestre de 2011. A margem bruta ficou em 8,6% no 2T12. Houve redução de custos de 18,8% em comparação com o mesmo trimestre do ano passado. A redução está relacionada, principalmente, à concentração do negócio de contact center nos sites de Alphaview, em Barueri/SP e Recife/PE. “Nosso foco na operação de callcenter é a melhoria contínua da rentabilidade. Fomos beneficiados pela desoneração da folha de pagamento concedida, este ano, às empresas de tecnologia e, com isso, ampliamos os investimentos em atração e desenvolvimento de pessoas, elemento principal na excelência dos serviços que prestamos. Além disso, começamos a colher resultados das renegociações de contratos feitas nos últimos meses, com melhoria na produtividade”, explica a diretora de RI da companhia. No encerramento do trimestre, a CSU Contact contabilizava 4.016 posições de atendimento em operação.

A empresa segue sua estratégia de diversificação de fontes de receita, com esforços comerciais voltados também para as regiões fora do eixo Rio de Janeiro-São Paulo. A CSU MarketSystem, divisão voltada à prestação de serviços de marketing de relacionamento, está implantando seu novo catálogo de prêmios multifornecedor para diferentes clientes. Já a plataforma CSU Acquirer foi homologada pela Visa para prestar serviços de processamento das transações eletrônicas a serem capturadas pelo Banrisul em sua rede Banricompras.

Sobre a CSU – A CSU CardSystem S.A. é a mais completa processadora independente de meios eletrônicos de pagamento da América Latina. Sua abertura de capital, em abril de 2006, posicionou a CSU entre as companhias que adotam as melhores práticas de governança corporativa, no Novo Mercado da BM&FBovespa (CARD3). Com 20 anos de atuação no segmento de administração e processamento para emissores de cartões, a CSU investe fortemente em tecnologia, contribuindo de forma pioneira para a evolução da indústria no Brasil. São oito mil colaboradores em diversas localidades – São Paulo, Barueri, Belo Horizonte e Recife.

Para oferecer soluções completas, a CSU emprega sua expertise em outras áreas de negócio. A CSU Acquirer atua no processamento das transações de pagamento para adquirentes, responsáveis pelo credenciamento de estabelecimentos comerciais na rede de aceitação de meios eletrônicos de pagamento. Por meio da CSU MarketSystem, posiciona-se no segmento de marketing de relacionamento, provendo e integrando soluções de marketing direto para ações de customer engagement. E com a CSU Contact, unidade responsável pela gestão e soluções em serviços de atendimento ao cliente e BPO (terceirização de processos de negócios), opera no segmento de contact center.

Além disto, a CSU investe em responsabilidade social, educação e inclusão digital, mantendo o Instituto CSU que, desde a sua fundação em 2003, já formou mais de 18 mil alunos por meio de capacitação profissional e ensino de informática.

Fale com a CSU

Mensagem enviada com sucesso